O Botafogo tem encontrado dificuldades para acertar a permanência do meia Marco Antônio para a temporada de 2022. Apesar da vontade tanto do clube, quanto do jogador, a multa contratual do atleta hoje está fixada em 2 milhões de euros (13 milhões de reais), valor muito fora da realidade financeira do glorioso. A informação é do jornalista “Ulisses Gama”.

Apesar das dificuldades, o Botafogo na figura de seu diretor-executivo de futebol Eduardo Freeland tem mantido contato com os empresários do jogador em busca de achar alternativas para que seja concretizada a sua permanência.

Figura importante na campanha do Botafogo até aqui, Marco Antônio atuou com a camisa do Botafogo em 46 oportunidades, marcando 9 assistências e 6 gols.

Categories: Notícias