Resultado de imagem para mufarrej, botafogo

O presidente do Botafogo Nelson Mufarrej, concedeu entrevista à Rádio Globo, nesta terça-feira (31), onde falou sobre a antecipação das cotas da TV Globo referentes ao ano que vem, afirmou que isso é uma prática normal nos clubes e que na gestão anterior, (da qual era vice-presidente geral) antecipou as cotas em dobro.
 
– Em 2018, não tivemos ainda nenhuma receita extraordinária como nos anos passados. Na outra administração eles fizeram isso também (antecipar cotas) e em dobro, mesmo tendo vendido jogadores. Não gosto falar de administrações anteriores, mas sou obrigado a falar. Não estamos gerindo o clube erradamente, estamos fazendo o que é necessário para manter o clube vivo.
 
Mufarrej falou sobre a pratica da antecipação em outros clubes.
 
– Isso não é novidade nenhuma, outros clubes anteciparam as cotas. O próprio Flamengo já antecipou essa receita do Brasileiro do ano que vem com a Globo na reunião de quinta-feira, um dia depois da nossa. Não é só o Botafogo que faz. Usamos esse dinheiro para pagar o Profut, que estava atrasado, e assim ter a CND (e poder receber da Caixa) – explicou.
 
O presidente alvinegro não descartou, ainda, usar parte desses R$ 10 milhões que foram antecipados para contratar novos jogadores, mas deixou claro que a prioridade e colocar os pagamentos em dia.
 
– Vamos destinar isso a pagar salários, fornecedores, enfim, tudo que for necessário pra que o clue possa se mover. No momento, queremos colocar em dia todas essas dívidas, e depois pensar. Tomara que a gente chegue num ponto de falar: “Olha, vamos usar agora para trazer algum jogador e engrandecer o nosso elenco.” – disse, lamentando a falta de novas receitas:
Conteúdo de Rádio Globo