Técnico de 38 anos assume o clube menos de um ano de ter sido demitido, em outubro de 2019

Eduardo Barroca foi apresentado oficialmente como novo técnico do Botafogo na tarde deste sábado. Antes de comandar a primeira atividade, o treinador respondeu perguntas enviadas pela imprensa. Na primeira passagem, o técnico comandou a equipe por 27 jogos, com 10 vitórias, três empates e 14 derrotas.

– Estou muito feliz com a oportunidade de estar aqui mais uma vez. Todos sabem que a minha ligação com o Botafogo nunca foi e nunca será apenas profissional. Existe uma ligação afetiva muito forte. Aproveito para fazer um agradecimento especial a Paulo Carneiro, presidente do Vitória, sobre minha escolha para ter vindo ao Botafogo. Desejo sucesso ao Vitória.

– Agora, à frente do Botafogo, assumo a responsabilidade frontalmente diante de todos os torcedores para que junto de toda equipe de trabalho, toda equipe funcional, junto com a direção e, principalmente, junto dos jogadores para que a gente possa reverter a situação adversa que vivemos no momento para que a gente possa atingir noss objetivo de permanência na Série A do Campeonato Brasileiro para que a gente possa planejar um 2021 mais cristalino do que esse 2020.

Foram 418 dias entre a demissão, em 6 de outubro de 2019, até o anúncio do retorno de Barroca, nesta sexta-feira. Tudo foi definido em poucas horas. Na noite da última quinta, a diretoria bateu o martelo pela saída de Ramón. Em seguida, fez contatos e conseguiu tirar o então treinador do Vitória.

Os jogadores não gostaram de mais uma troca de comando. Mas, tomada a decisão, a escolha por Eduardo Barroca foi bem recebida. O momento de bom futebol e resultados que aconteceu em parte de 2019 gerou lembranças positivas. Pesou a favor do novo técnico o fato de conhecer o elenco. Porque apesar das muitas mudanças, boa parte dos atletas veio das divisões de base e têm história com o treinador.

Fonte: GE

Categories: Notícias