A pedido do técnico Marcelo Chamusca, o Botafogo voltou atrás e entrou na briga com o América-MG para contar com o meia Bruno Nazário pelo resto da temporada.

O jogador estava fora dos planos do clube e inclusive já tinha um acordo praticamente selado com o América Mineiro até a chagada de Chamusca. O presidente do Coelho, Alencar da Silveira Júnior, pediu bom senso ao clube para que não utilize Nazário na partida da Copa do Brasil.

Em entrevista a Rádio Brasil, o mandatário ainda deixou claro que o clube mineiro já tem um acordo muito bem encaminhado não só com Bruno Nazário, mas também com o Hoffenheim, clube detentor de seus direitos econômicos.

Mesmo com toda essa questão nos bastidores, o Botafogo relacionou o atleta para a partida de amanhã e deve iniciar com Nazário dentre os 11 titulares.

Categories: Notícias