Com o placar desfavorável, o meio-campista Cícero e o lateral-esquerdo Gilson bateram boca durante o segundo tempo. Aos 23 minutos, antes da cobrança de um escanteio para o Corinthians, os jogadores passaram a discutir e foram contidos pelos outros jogadores do time. O árbitro Rafael Traci conversou com os atletas, mas não aplicou cartão.

A derrota em São Paulo impede o Botafogo de se aproximar dos primeiros lugares. Depois de duas vitórias consecutivas, o time comandado por Eduardo Barroca estaciona nos 22 pontos e ainda poderá perder a sétima colocação no complemento da rodada




Notas dos jogados:

Gatito Fernández: enquanto pôde, o goleiro alvinegro segurou as investidas do Corinthians. Fez boas defesas e impediu que o placar fosse maior. Nota: 7,5.

Gilson: o lateral sofreu, em especial no primeiro tempo, com os ataques do adversário pelo seu lado. Pedrinho e Fagner incomodaram bastante. Gilson ainda se envolveu em discussão calorosa com o colega Cícero.Nota: 5,0.

Diego Souza: no primeiro tempo quase não apareceu – reflexo do sistema ofensivo praticamente nulo do Botafogo. Melhorou na segunda etapa com as entradas de Lucas Campos e Rhuan, mas ainda longe do que se espera dele. Nota: 6,5.




CONFIRA TODAS AS NOTAS:

Gatito Fernández: 7,5
Marcinho: 6,0
Marcelo: 6,0
Gabriel: 6,0
Gilson: 5,0
Cícero: 5,5
Bochecha: 6,5
(Rhuan): 6,5
Rickson: 5,5
Pimpão: 5,5
(Lucas Campos): 6,5
Luiz Fernando: 6,0
(Marcos Vinicius): 6,0
Diego Souza: 6,5

Foto: Marcos Ribolli/GloboEsporte.com

Fonte: GloboEsporte.com




Categories: Notícias

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *