O Botafogo desistiu de emprestar o zagueiro Kanu ao Cruz Azul, do México. O glorioso havia enviado uma contraproposta com alguns gatilhos e preços fixados ao clube mexicano que não foi respondida. Sendo assim, a diretoria do alvinegro decidiu retirar-se do negócio.

Entenda a negociação:

O Cruz Azul sinalizou a vontade de contar com o zagueiro Kanu e enviou uma proposta ao Botafogo de empréstimo até o final do ano. Seriam pagos ao Botafogo uma taxa de U$ 400 mil em duas parcelas. A primeira de R$ 200 mil em Março e outra do mesmo valor no mês de Abril.

Ao final do período de empréstimo, foi estipulado que o Cruz Azul teria de desembolsar U$ 2 milhões como preço fixado para, se fosse da vontade do clube Mexicano, adquirir o atleta em definitivo.

O Botafogo inicialmente gostou do que havia sido oferecido, mas tentou pleitear valores maiores e enviou uma contraproposta nas seguintes condições.

O valor de R$ 400 mil seria pago integralmente e de forma imediata. O valor de compra estipulado em duas datas diferentes com precificação progressiva.

Caso o Cruz Azul efetuasse a compra até o dia 01/07, o preço seria de U$3,2 milhões (cerca de R$ 17,1 milhão) e se fosse até o dia 30/11, o valor passaria para U$ 4 milhões (cerca de R$ 21,4 milhões).

O Botafogo determinou que a proposta só seria válida até Sexta-Feira até 23h59min. Como não houve resposta, a diretoria ampliou a espera até esta Segunda-Feira.

Ninguém do Cruz Azul fez contato, o que levou o Botafogo a cancelar o negócio momentaneamente.

Isso não impede que a diretoria do clube mexicano reapareça e faça uma nova investida. Mas novos valores terão de ser conversados porquê não há mais uma proposta válida ativa.

Categories: Notícias