Gatito Fernández admite falhas e fala de ‘falta de sorte’ do Botafogo nas decisões

Titular do gol do Botafogo na temporada, Gatito Fernández vive uma temporada com bons e maus momentos. E, atualmente, convive com críticas de parte da torcida por erros nas partidas contra Fluminense e Atlético-PR, que renderam ao Glorioso recentes derrotas.

O goleiro botafoguense disse não se abater com as críticas vindas após as falhas e prefere pensa no que o Fogão fez durante o ano, no qual chegou a brigar por títulos importantes.

 

“Todos viram que errei e não fujo das minhas responsabilidades. Acho que o importante durante toda a carreira é não achar que somos os melhores quando só recebemos elogios. E também não nos abatermos com algumas falhas ou críticas que recebemos. O fundamental é sempre olhar para a frente e saber que fizemos neste ano um bom trabalho se olharmos o que já aconteceu”, disse Gatito em entrevista ao Lance!.

O goleiro do Botafogo fez uma análise do que foi a temporada do Fogão. Gatito citou ‘falta de sorte’ nos jogos decisivos da Libertadores e da Copa do Brasil, contra Grêmio e Botafogo, respectivamente, para acreditar que o alvinegro poderia ter chegado mais longe em 2017.

“Acho que o grupo tinha qualidade, mas por alguma razão não chegamos onde queríamos chegar. Tivemos chances de gol contra o Grêmio e também contra o Flamengo, na Copa do Brasil. Realmente ficamos devendo e acho que faltou também um pouco de sorte”, comentou o arqueiro, que reafirmou o sonho do Glorioso de voltar a jogar a Libertadores.

“Em primeiro, (o objetivo) é classificar para a Libertadores. E ter no ano que vem um título pelo Botafogo”, afirmou.

Fonte: Torcedores.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *